Preservação do Meio Ambiente

Preservação do Meio Ambiente – Temos apenas um planeta em que vivemos. O planeta está cheio de recursos, alguns renováveis ​​e outros não, mas, infelizmente, temos uma população cada vez maior que representa uma grande ameaça para todos esses recursos.

Portanto, não está claro o que as gerações futuras encontrarão, se é que o farão, e como será a vida para elas se explorarmos todos os recursos atuais e não promover a preservação do meio ambiente.

Para corrigir esse problema e também para garantir que deixemos alguns recursos para o futuro, entra em cena a preservação do meio ambiente e este artigo se aprofundará mais no assunto.

Então, o que exatamente é preservação do meio ambiente ambiental?

A preservação do meio ambiente é a prática de nós, humanos, salvando o meio ambiente da perda de espécies e da destruição do ecossistema, principalmente devido à poluição e às atividades humanas.

A conservação é vital para salvar e ajudar tanto os animais quanto as árvores, pois todos dependemos uns dos outros para a sobrevivência.

As árvores convertem o dióxido de carbono produzido pelas fábricas em oxigênio, o que nos ajuda a respirar. A perda de espécies, que os faz extintos, significaria que elas estão perdidas para sempre e não podem ser vistoas por olhos curiosos, ou estudados por mentes científicas.

Além disso, essa perda ou destruição de ecossistemas perturbaria a cadeia alimentar, bagunçando todo o ecossistema em geral.

Há muito a fazer quando se trata de reconstruir e proteger o que resta dos recursos naturais e da biodiversidade em nossos ecossistemas.

A preservação do meio ambiente é um termo abrangente que define tudo o que fazemos para proteger nosso planeta e conservar seus recursos naturais para que todos os seres vivos tenham uma melhor qualidade de vida.

Conservação e preservação do meio ambiente são dois termos frequentemente usados ​​como sinônimos, embora sejam bastante diferentes.

Conservação refere-se à gestão responsável do meio ambiente e seus recursos para uso presente e futuro, a preservação, por outro lado, é uma abordagem muito mais rígida, em que o meio ambiente, as terras e os recursos naturais são guardados para não serem consumidos pelos humanos, mas mantidos em sua forma original.

Se a terra for para ser usada por humanos, ela deve ser utilizada apenas por sua beleza natural e inspiração.

A preservação do meio ambiente funciona de duas maneiras. Destina-se a proteger a natureza, protegendo recursos vitais, e também é um modo de vida que trabalha contra as práticas irresponsáveis ​​de empresas e grandes corporações.

A vida verde tira o poder daqueles que não têm interesse em usar sua influência para promover o bem maior de nosso mundo e, em vez disso, optam por agravar o problema.

Quanto mais dinheiro deixarmos do bolso das grandes empresas que não cuidam do meio ambiente, mais podemos fazer pelo planeta.

A preservação do meio ambiente vem em muitas formas e nos lembra de estarmos atentos às escolhas diárias. Não importa o quão ocupada sua vida possa ser, continua sendo bastante fácil fazer pequenas, mas necessárias, mudanças para o bem da Terra.

Se todos dermos pequenos passos, faremos nosso caminho para um grande progresso. Isso pode ser alcançado prestando mais atenção ao que compramos e não usando recursos desnecessariamente.

Devemos lembrar também de reciclar e descartar os produtos químicos de maneira adequada, para que o solo e os corpos d’água não sejam envenenados.

O meio ambiente é vital para o nosso bem-estar e todos os elementos devem ser protegidos

Considere cada parte do meio ambiente, incluindo as árvores, os oceanos e o solo. As árvores que nos ajudam a respirar também isolam gases de efeito estufa que fariam com que a Terra esquentasse mais rapidamente. Elas mantêm o solo no lugar e filtram naturalmente a água que foi absorvida pelo solo.

As águas do oceano são inegavelmente encantadoras, mas há muito mais do que esplendor visual. Quando olhamos para as nuvens e sentimos a chuva, o oceano deve agradecer por isso.

Lar de incontáveis ​​tipos de vida marinha e plantas, o oceano é tanto um abrigo quanto uma fonte de vida. Ele nos fornece mais da metade do suprimento de oxigênio da Terra e armazena grandes quantidades de dióxido de carbono para ajudar a manter a temperatura da Terra.

Finalmente, o solo se destaca como seu próprio sustentador da vida, agindo como um fornecedor de alimento e um filtro de água. Solo de boa qualidade produz safras que alimentam humanos e animais.

Plantas e flores brotam do solo para o solo, ajudando a regular o nosso clima. A maior parte da água da natureza não é feita para consumo humano, mas o solo também armazena a água subterrânea e a filtra, tornando-a segura para beber.

Economize usando menos energia e adotando fontes alternativas de energia

Ao abraçar e promover fontes alternativas de energia, a Mãe Terra ficaria aliviada. Se cada família incorporasse os conceitos de vida sustentável usando menos e conservando mais, o impacto positivo seria incomensurável.

A energia solar e a energia eólica são duas das opções de energia renovável que poderíamos usar com mais frequência. No entanto, uma grande quantidade de energia que exaurimos vem da queima de combustíveis fósseis não renováveis ​​para abastecer carros, eletricidade nas residências e muito mais.

Embora não controlemos completamente como a energia é oferecida a nós, sempre há espaço para viver de uma forma que use menos da energia que não pode ser reposta.

Ajude a reabastecer o que está sendo levado, devolvendo à Terra

O desmatamento continua sendo um grande problema ambiental. Muitas florestas estão perdendo incontáveis ​​acres de árvores valiosas e, como essas árvores são destruídas, os gases do efeito estufa que armazenavam voltam para a atmosfera e contribuem para o aquecimento global.

Animais e pessoas perdem seu suprimento de alimentos e casas, e a situação econômica de uma região também pode mudar porque menos florestas geralmente levam a menos oportunidades de emprego na área.

Plantar árvores é uma forma de retribuir, pois auxilia na restauração de moradias para a vida selvagem, fontes de alimento e propriedades medicinais que só as árvores fornecem.

À medida que as árvores crescem, elas protegem o solo das condições climáticas adversas e nos protegem do excesso de dióxido de carbono, permitindo-nos viver mais e com mais conforto.

Ajude a proteger a qualidade do solo por meio da compostagem. Quando alimentamos o solo, especialmente usando restos de comida que de outra forma seriam jogados fora, damos ao solo os nutrientes de que ele anseia.

Pratique hábitos que fazem parte dos esforços conservacionistas

Os carros são constantemente dirigidos em todo o mundo e são os maiores contribuintes para a poluição. Mantenha seu veículo em ótima forma para reduzir o carbono que ele libera na atmosfera.

Quando você for comprar um carro ou precisar trocá-lo, olhe além da aparência externa e considere o impacto ambiental.

Decida comprar veículos elétricos ou híbridos em vez de beberrões de gasolina como uma alternativa elegante e econômica. Caminhe, ande de bicicleta ou use o transporte compartilhado, quando possível.

Comece a cultivar sua própria comida para fins de saúde e para aliviar o estresse colocado no solo. As fazendas comerciais tendem a ter um solo de qualidade inferior porque o solo é maltratado para produzir rapidamente o máximo de alimentos possível.

Se você cultivar sua própria comida, haverá menos necessidade de produtos químicos tóxicos usados ​​nas zonas agrícolas industriais. Plantar sua própria comida também tem um sabor muito melhor, pois cresce naturalmente e na estação, ao mesmo tempo que preserva os nutrientes essenciais.

Converse com outras pessoas sobre preservação do meio ambiente. Existem muitas maneiras divertidas de fazer isso. Por exemplo, você pode organizar festas baseadas em temas ecológicos para iniciar conversas importantes.

A importância da Preservação do Meio Ambiente

1. Importância da agricultura

A agricultura depende do meio ambiente, e nós também dependemos da agricultura. A riqueza de um país pode ser medida por sua capacidade de alimentar seu povo, embora nem todas as nações possam produzir para fins agrícolas.

A preservação do meio ambiente, no que diz respeito à agricultura, pode significar prevenir a erosão do solo, inundações e desertificação, e pode ajudar o cidadão a ter o que comer. Técnicas agrícolas insustentáveis ​​afetam os ecossistemas naturais e tornam a agricultura impossível.

2. Importância para a pesca

Os vários corpos d’água, como oceanos, lagos e mares, são outra fonte de itens essenciais, como alimentos. Em todo o mundo, as comunidades dependem de frutos do mar e atividades relacionadas.

A conservação marinha é, portanto, vital para proteger o suprimento de alimentos humanos, atividades humanas e animais marinhos. Ela salva mais animais da extinção e também alimenta animais terrestres que dependem da água. Alguns dos maiores desafios que afetam os oceanos incluem a sobrepesca e a poluição.

3. Importância para o clima

As atividades humanas têm um impacto direto no clima e um efeito subsequente em toda a vida. O aquecimento global, associado às emissões de gases de efeito estufa, que é um efeito adverso sobre o clima, resulta em secas, inundações, elevação do nível do mar e casos de calor e frio extremos.

A mudança climática é resultado de atividades humanas e tem sido associada ao excesso de chuvas, condições meteorológicas extremas e uma mudança nos padrões regulares do clima. A preservação dos ambientes naturais deve ser feita para ver esses resultados extremos revertidos, tornando o mundo um lugar melhor. Por exemplo, reflorestar trará chuvas, o que facilitará a agricultura.

4. Excelente qualidade da água

As medidas de preservação do meio ambiente garantem água de excelente qualidade para todos. Isso, por sua vez, traz benefícios sociais, ambientais e econômicos.

Economicamente, a preservação do meio ambiente estimula o turismo, fornece peixes para a pesca, diminui o custo da saúde e oferece um ambiente para a indústria do ecoturismo.

Socialmente, um ambiente conservado diminui a prevalência de doenças transmitidas pela água, aumenta a qualidade da água que entra nos aquíferos, ajuda a usar as águas superficiais para recreação e aumenta a qualidade geral de vida.

Ambientalmente, um ambiente conservado preserva a diversidade de plantas e animais dependentes da água e preserva os vários serviços naturais dos ecossistemas aquáticos.

5. A preservação do meio ambiente leva a uma qualidade do ar saudável

Mais uma vez, a preservação do meio ambiente fornece ar de boa qualidade, o que também traz benefícios sociais, econômicos e ambientais. Economicamente, impulsiona o turismo, diminui os custos com saúde e diminui a erosão de edifícios e calçadas.

Socialmente, diminui a prevalência de doenças circulatórias e pulmonares e também aumenta a qualidade de vida dos residentes. Ambientalmente, preserva a qualidade da água e preserva os ecossistemas aquáticos e a biodiversidade.

6. Preserva a biodiversidade

Um meio ambiente conservado preserva a biodiversidade, que tem benefícios iguais aos mencionados acima. Ela preserva os ecossistemas aquáticos e terrestres, preserva o fluxo de energia em toda a biosfera, fornece serviços naturais, preserva as cadeias alimentares e estimula o turismo baseado na natureza.

7. Protege a vida selvagem

A preservação do meio ambiente protege a vida selvagem e promove a biodiversidade. Manter um ecossistema saudável e funcional ajuda a prevenir a extinção de certas espécies animais.

Se o meio ambiente é destruído, alguns animais são forçados a deixar seu habitat, dificultando sua sobrevivência em outro lugar. Também pode causar conflito humano e animal, que termina desastrosamente para ambas as espécies.

8. Protege a terra

A preservação do meio ambiente definitivamente protege a natureza de certos fatores que estão destruindo o planeta, como as mudanças climáticas. Precisamos reduzir a quantidade de danos que infligimos ao planeta, pois ele contribui para sua destruição.

Se não conservarmos o meio ambiente, a natureza terá uma forma feroz de contra-atacar, como climas extremos, secas e chuvas fortes que estão afetando negativamente nossas vidas, nossos alimentos e nossas casas. Temos que fazer todo o humanamente possível para preservação do meio ambiente, para o planeta.

9. Protege a saúde humana

A preservação do meio ambiente, por sua vez, protegerá e melhorará a saúde e a vida humana. Se o meio ambiente for destruído, novas doenças surgirão e espécies que poderiam ajudar a produzir medicamentos serão destruídas. Os habitats selvagens são particularmente importantes, pois evitam que doenças infecciosas emergentes passem dos animais para os humanos.

O surto de Ebola, por exemplo, é uma doença animal que atingiu os humanos e acredita-se que tenha sido transmitida aos humanos por morcegos.

O mesmo também pode ser dito sobre o COVID-19, que até agora custou a vida a mais de 1,18 milhão de pessoas somente em 2020. Simplificando, não podemos ser saudáveis ​​em um ambiente insalubre. Temos que manter a preservação do meio ambiente para nossa própria saúde e futuro.

Métodos de Preservação do Meio Ambiente

1. Conservação florestal

O florestamento e o reflorestamento auxiliam na conservação das florestas, que são responsáveis ​​por absorver uma grande quantidade de dióxido de carbono que chega à atmosfera.

Devemos tornar nossa missão de vida plantar árvores o máximo possível, tanto em terras públicas quanto privadas, e cuidar delas. Além disso, a legislação que protege as florestas merece destaque, para que ajudemos na preservação do meio ambiente.

2. Conservação do solo

A conservação do solo ajuda a controlar a erosão e melhora o solo para fins agrícolas. Devemos plantar mais árvores, proteger as pastagens e cultivar culturas de cobertura que regulem a remoção do solo.

Devemos também minimizar o uso de produtos químicos, fertilizantes compostos e fazendas em terraços inclinados.

3. Gerenciando resíduos

Os resíduos sólidos são produzidos por áreas de mercado, indústrias, residências, áreas de assentamento e muitos outros locais. Devemos, portanto, gerenciar nossos resíduos sólidos e ajudar a manter o meio ambiente saudável.

Os municípios também devem realizar programas de gestão de resíduos sólidos, designando lixeiras em todas as cidades e recolhendo o lixo regularmente. Além disso, devemos nos ensinar como gerenciar nossos resíduos sem jogar o lixo para todo lado.

4. Reciclagem

Devemos aprender a reciclar tudo o que pudermos pelo maior tempo possível. Vidro, papel, plástico e até mesmo metal são reutilizáveis ​​e não devem ser jogados fora após o uso original.

Cerca de 90% de todas as garrafas de plástico não chegam às unidades de reciclagem, o que é lamentável. Elas não são biodegradáveis ​​e cerca de 500 bilhões delas são usados ​​todos os anos. O reaproveitamento dessas garrafas, recipientes, sacolas e muito mais ajudará na preservação do meio ambiente.

5. Reduzindo nosso consumo de água

Água limpa, fresca e segura é preciosa e não está facilmente disponível. Portanto, é muito importante economizar o máximo de água possível e evitar a poluição da água, caso contrário, ela será escassa nos próximos anos.

Reduza o número de banhos, tome banho, use somente a máquina de lavar, não descarte resíduos em corpos de água doce, e recicle, para que possamos conservar a pouca água doce que temos agora.

6. Controle de poluição

Devemos fazer a manutenção regular de nossos carros e deixá-los em casa o máximo possível, pois são a principal fonte de poluição do ar.

O uso de baterias recarregáveis ​​ajuda o meio ambiente, pois não estaremos propensos a jogá-las fora quando estiverem vazias.

A compostagem também evita o lixo e não apenas protege o meio ambiente, mas também é uma fonte confiável de esterco natural.

Evite fertilizantes químicos, herbicidas, pesticidas e inseticidas que poluem o meio ambiente. Devemos controlar a poluição o máximo possível, para a preservação do meio ambiente.

7. Crie consciência pública

Sensibilizar as pessoas para as consequências das nossas atividades através dos vários meios disponíveis como as redes sociais, os seminários e os meios de comunicação tradicionais.

Além disso, discuta a proteção ambiental com seus amigos e familiares para que todos estejam cientes da preservação do meio ambiente, formas de conservar o meio ambiente e possíveis consequências se não cuidarmos do meio ambiente.

Como Promover a Preservação do Meio Ambiente?

1. Educação

O ambientalismo precisa ser uma parte maior do sistema educacional, desde o ensino fundamental em diante. Devemos ensinar nossos filhos a preservação do meio ambiente, bem como as consequências de não fazê-lo.

Por exemplo, crie um evento em que crianças em idade escolar plantem árvores e cuidem delas enquanto estiverem na instituição. Quando eles se formarem, as árvores serão maiores e ajudarão o meio ambiente.

2. Fale sobre a preservação do meio ambiente

Basta falar sobre a preservação do meio ambiente na vida cotidiana, blogs, vlogs, livros e artigos. Além disso, eleger lideranças que estejam cientes da preservação do meio ambiente e vejam a necessidade de conservar o meio ambiente.

Fale sobre isso até mesmo em igrejas, em seminários, na escola e em outros locais. Promova a causa e fale sobre ela em todos os lugares, não apenas em contextos limitados.

3. Envolva a comunidade

Envolva a comunidade em exercícios de plantio de árvores, bem como em eventos que garantam a limpeza do ambiente. Por exemplo, em Ruanda, eles têm o que é chamado de ‘ Umuganda’ , que é um exercício de limpeza da comunidade, realizado no último sábado de cada mês, onde todos têm que passar o dia limpando o meio ambiente e aqueles que não participam são multados .

4. Proibir plásticos

Os plásticos são responsáveis ​​por um ambiente mais sujo. Eles deveriam ser banidos e as pessoas deveriam aprender a reciclá- los ou reutilizá- los ou simplesmente deixar de usá-los.

5. Criar legislação que promova a conservação ambiental

Os governos devem criar uma legislação que promova a conservação ambiental. Isso também deve ser feito em nível internacional, liderado por agências internacionais como as Nações Unidas com seu Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente .

Preservação do meio ambiente: 8 maneiras adicionais de ajudar

Pare de fumar. Se você não fuma, diminui a poluição do ar e melhora a saúde pulmonar.

Mude a maneira como você limpa a casa. Use itens feitos de forma sustentável ou produtos totalmente naturais que não sejam feitos com produtos químicos perigosos. É melhor para sua saúde, pois não polui o ar e é menos agressivo para itens pessoais.

Economize água. Lave suas roupas e pratos somente depois de usá-los completamente. Economize água fechando a torneira, tomando banhos mais curtos e aproveite a água da natureza coletando água da chuva para regar o gramado.

Desconecte as coisas. Se um item não estiver em uso, isso não significa que não esteja exigindo eletricidade enquanto estiver conectado. Quando um item é desconectado, ele não está usando energia alguma. Isso economiza mais energia para uso futuro, além de ser econômico.

Aprenda a reutilizar as coisas. Existem muitas maneiras engenhosas de reutilizar coisas que você já possui. Pesquise para aprender novos projetos divertidos que podem dar nova vida a itens antigos, para que você não tenha que jogá-los fora.

Se possível, evite usar garrafas plásticas de água e papel com tanta frequência. Tudo o que você usa e que é reciclável, certifique-se de descartá-lo de maneira adequada.

Entre em contato com funcionários do governo e apóie petições e outras empresas que promovam mudanças.

Seja gentil com os outros. Doe coisas que você não usa mais em vez de jogá-las fora. Você evita jogar no lixo itens valiosos enquanto os disponibiliza para outra pessoa por menos dinheiro. Em uma nota semelhante, compre itens que foram usados ​​com cuidado, em vez de comprar um novo material que foi produzido em massa sem se preocupar com a preservação do meio ambiente.

Reply